• Brasil
Ramatis Livros Espíritas Universalistas

CLARINADAS CONSCIENCIAIS DA COMPANHIA DO AMOR – II*

CLARINADAS CONSCIENCIAIS DA COMPANHIA DO AMOR – II*

Facebooktwitter

(Toques de Discernimento, Amor e Luz, na Lata!)

Wagner Borges

Alegria, alegria…

Que voa sem sair do lugar.

É o que dá no coração da gente…

Quando o Amor dá o tom do viver.

 

O Papai do Céu está em tudo!

A vida refulge na Luz d’Ele…

No campo universal, Ele é o Grande Craque.

Ele é o Cara! E suas jogadas são maviosas.

 

Como é estranho esse pessoal que não se admira ao olhar para o céu estrelado…

É gente que não reconhece a incomensurável obra do próprio Pai.

Certamente, é gente com chulé consciencial…

E os espíritos feios adoram pegar essa galera ingrata.

 

Dá um dó danado ver isso: gente fazendo mandinga contra os outros.

Contudo, eles vão se ferrar bonitinho.

É que o Dr. Carma** está só de olho neles.

E, no momento certo, a conta da dor chegará em suas portas.

 

Cada um é responsável pelo que faz de si mesmo.

Quem gosta de tiririca, que se cuide.

Quem gosta da Luz, que trabalhe e cresça!

E quem ama, que seja merecedor de tal graça.

 

Os espíritos bacanas não têm culpa das besteiras que os médiuns*** fazem.

Isso é animismo**** ruim deles mesmos!

Em compensação, os espíritos grossos adoram médiuns tantãs…

E se divertem com eles, além de espoliarem suas energias.

 

Mensagem espiritual boa é aquela que não estimula dependência alguma…

E, pelo contrário, chama a atenção de todos para o discernimento, na lata.

As coisas da Luz são libertárias e remontam ao despertar do vivente.

Mensagem legal sempre fala do Papai do Céu – e chama para o Amor.

 

Quem cuida bem dos seus bichinhos, parabéns!

É gente boa cumprindo bem a missão que o Papai do Céu lhes deu.

E é assim também no Astral: um monte de espíritos bacanas cuida deles.

Os bichinhos não morrem, só voam livres, para ir brincar no Céu.

 

Flerta com o perigo aqueles que andam de conluio com espíritos ruins.

E daí não surge coisa boa, só destruição e enganação.

Então, que ninguém dê mole com isso, pois o custo é alto demais.

Às vezes, é preciso que o Dr. Carma dê uma carraspana bem dada nesse pessoal.

 

P.S.:

O papo está bom, mas é hora de cantar para subir…

Não se esqueçam do Papai do Céu.

E nem de amar direito.

Discernimento, na lata, sempre!

Vale a pena viver.

Façam o Bem, sempre…

E temos dito!

(Vamos nessa, porque é bom à beça!)

 

– Companhia do Amor***** –

         A Turma dos Poetas em Flor.

 

         – Notas:

     * A primeira parte desse texto está postada no seguinte link:

http://www.ippb.org.br/textos/companhia-do-amor/clarinadas-da-companhia-do-amor

** Carma – do sânscrito, karma – ação; causa – é a lei universal de causa e efeito – tudo aquilo que pensamos, sentimos e fazemos são movimentações vibracionais nos planos mental, astral e físico, gerando causas que, inexoravelmente, apresentam seus efeitos correspondentes no universo interdimensional. Logo, é óbvio que não há efeito sem causa, e os efeitos procuram naturalmente suas causas correspondentes. A isso os antigos hindus chamaram de carma.

*** Médium – do latim, intermediário – é o indivíduo que tem a capacidade supranormal de perceber os seres extrafísicos e de servir de canal interplanos para eles se comunicarem com os níveis mais densos.

**** Animismo – do latim, animus – alma – conjunto de fenômenos parapsíquicos produzidos pela própria pessoa, sem interferência externa.

***** A Companhia do Amor é um grupo de escritores e poetas extrafísicos brasileiros que me passa textos bem divertidos e despojados. Seu objetivo desse grupo é mostrar que não existe apenas vida após a morte, mas também muita Alegria e Amor.

Como seus textos são direcionados a população urbana, e eles não têm a menor pretensão de se passar por sábios espirituais, e nem estão compromissados com nenhuma linha espiritualista, seus toques são sempre cheios de galhardia e visam a espetar o raciocínio das pessoas com tiradas criativas e bem humoradas.

O leitor mais atento (e despojado de “bitolas doutrinárias” de algum tipo), notará sérios questionamentos embutidos em suas brincadeiras. Muitas vezes, é brincando que se dizem as verdades mais sérias.

Em sua grande maioria, são poetas e muito bem humorados. Segundo eles, seus escritos são para mostrar que os espíritos não são nuvenzinhas ou luzinhas piscando em um plano espiritual inefável.

Eles querem mostrar que continuam sendo pessoas comuns, apenas vivendo em outros planos, sem carregar o corpo denso.

Os seus textos são simples e diretos, buscando o coração do leitor.

Para mais detalhes sobre o trabalho dessa turma maravilhosa, ver os livros “Companhia do Amor – A Turma dos Poetas em Flor – Volumes 1 e 2” – Edição independente – Wagner Borges, e sua coluna no site do IPPB (que é uma das seções mais visitadas no site): http://www.ippb.org.br/textos/companhia-do-amor

Obs.: Enquanto eu digitava essas linhas, rolava aqui no meu som algumas músicas do vocalista americano Christopher Cross. Então, para quem quiser apreciá-las também, deixo, na sequência, alguns links do Youtube.

Christopher Cross:

– “Prayin” –

https://www.youtube.com/watch?v=tOTS37Vue2I

– “Sailing” (versão 2015) –

https://www.youtube.com/watch?v=1NBTqTd9nmE

– “Sailling” (versão original, 1980) –

https://www.youtube.com/watch?v=15ewVFG4YVY

– “Hunger” –

https://www.youtube.com/watch?v=ZWn4NyhMHhw

– “Talking in My Sleep” –

https://www.youtube.com/watch?v=xGJKnu_WXT4

– “Words of Wisdom” –

https://www.youtube.com/watch?v=J_XoEd9ZeC8

– “Words Of Wisdom” (Live, 1998) –

https://www.youtube.com/watch?v=HxsrvPQR_eo

– “Think Of Laura” (Live, 1998) –

https://www.youtube.com/watch?v=nYEWeBarLww

 

 

Facebooktwitter