• Brasil
Ramatis Livros Espíritas Universalistas

CONSIDERAÇÕES DOS INICADOS SOBRE A SENDA ESPIRITUAL

CONSIDERAÇÕES DOS INICADOS SOBRE A SENDA ESPIRITUAL

Facebooktwitter

De onde vocês vêm?

O que os motiva nesses estudos espirituais?

Querem mesmo levantar o véu de Maya?*

Suas aspirações são justas e equânimes?

Vocês vieram aqui por causa da dor de uma perda?

Ou a Luz cantou o Samadhi** em seus corações?

Vocês só querem o desenvolvimento dos poderes parapsíquicos?

Ou almejam o verdadeiro despertar da consciência?

Vocês estão na sintonia de Moksha, Prema, e Sattva?***

Querem cremar as imaturidades no fogo do discernimento?

Vocês estão cientes da magnitude de um trabalho espiritual?

Realmente querem vencer a si mesmos?

Vocês são gratos ao Todo****, por tudo?

Ele é o Primeiro Amor em suas vidas, a Primeira Luz?

Vocês estão conscientes de que são filhos da Luz?

E que nada pode separá-los do Amor do Todo?

Vocês escalpelam o próprio ego, com maestria?

E combatem suas mazelas internas com vigor e inteligência?

Vocês sentem o fogo das estrelas crepitando em seus corações?

E a Força do Eterno em seus propósitos reais?

Vocês reconhecem que o verdadeiro poder é o do Alto?

E que são emissários das luzes espirituais na crosta do mundo?

Vocês escutam a música das esferas em seus centros vitais?

E sentem a presença dos iniciados espirituais de todas as eras?

Vocês se reconhecem como irmãos de ideais e parceiros de Luz?

E se respeitam na senda, como partícipes da Ananda***** do Todo?

Vocês respiram o prana, e se sentem cheios do sopro vital do Eterno?

E sentem que uma Força Maior vem guiando-os secretamente?

Vocês reconhecem que estão no mundo, mas não são do mundo?

E que interesses mesquinhos não são de sua alçada?

Vocês querem continuar firmes na senda espiritual, com honra?

E, mesmo sob o escárnio da ignorância do mundo, ainda assim, persistir?

Vocês olham para a imensidão sideral e sentem saudades?

E o peso do infinito ainda cala fundo em seus corações?

Vocês têm consciência de que o aguilhão da morte não pode feri-los?

E que a vida sempre continua, além da matéria condicionada?

Vocês ainda temem o Invisível Imanente?

Ou sabem que vieram d´Ele e, eventualmente, voltarão para Ele?

Vocês sentem a aragem de Ananda tocando seus cabelos secretamente?

E percebem o carinho dos seus entes queridos que já partiram?

Vocês ainda se lamentam por aqueles que voaram de volta para casa?

Ou sabem, claramente, que eles continuam vivos e pensando e sentindo?

Vocês realmente querem servir à Luz?

E aceitam isso em Espírito e Verdade, em seus corações?

 

P.S.:

Vocês estão aqui – e os espíritos também!

E a Força das Estrelas está junto…

Vocês estão dentro de um campo de Luz.

Pois o Alto assim determinou!

E o que estiver em seus corações, será a sua sintonia real.

E isso é assim: quem quer mais Luz, que já tenha um pouco de Luz…

Pois o semelhante atrai o semelhante.

E assim é, sempre foi, e sempre será!

E quem é da Luz reconhece e sabe de onde vêm o Poder Real…

Do Todo, sempre Ele. O Poder Incognoscível. O Incomensurável!

E assim é: quem é da Luz, sabe. E cala o próprio ego diante do Alto.

Isso é verdade. Não conhece mentira. Somente a verdade.

 

O Todo está em tudo!

Paz e Luz.

 

– Os Iniciados e Sanat Khum Maat****** –

(Recebido espiritualmente por Wagner Borges – São Paulo, 29 de setemr de 2015.)

 

       – Notas:

       * Maya – do sânscrito – ilusão; tudo aquilo que é mutável, que está sujeito à transformação por diferenciação.

         ** Samadhi – do sânscrito – estado de consciência cósmica; expansão da consciência; estado oceânico do Ser.

*** Moksha, Prema e Sattva:

– Moksha – do sânscrito – liberação; libertação.

         – Prema – do sânscrito – Amor Divino.

         – Sattva – do sânscrito – é uma das três qualidades (gunas) da energia manifestada nos planos fenomênicos da natureza; siginifica equilíbrio ou pureza.

         **** O Todo – expressão hermética para designar o Poder Absoluto que está em tudo. O Supremo, O Grande Arquiteto Do Universo, Deus, O Amor Maior Que Gera a Vida. Na verdade, O Supremo não é homem ou mulher, mas pura consciência além de toda forma. Por isso, tanto faz chamá-lo de Pai Celestial ou de Mãe Divina. Ele é Pai-Mãe de todos.

Quando se afirma que o Todo é o Grande Hierofante, é no sentido de que Ele é o Supremo iniciador de todos os seres, pois está em tudo!

Obs.: Hierofante – dentro do contexto das iniciações esotéricas da antiguidade, era o mestre que testava os neófitos (calouros) nas provas iniciáticas.

         ***** Ananda – do sânscrito – estado de bem-aventurança; êxtase espiritual.

         ****** Os Iniciados – grupo extrafísico de espíritos orientais que opera nos planos invisíveis do Ocidente, passando as informações espirituais oriundas da sabedoria antiga, adaptadas aos tempos modernos e direcionadas aos estudantes espirituais do presente.

Composto por amparadores hindus, chineses, egípcios, tibetanos, japoneses e alguns gregos, eles têm o compromisso de ventilar os antigos valores espirituais do Oriente nos modernos caminhos do Ocidente, fazendo disso uma síntese universalista. Estão ligados aos espíritos da Fraternidade da Cruz e do Triângulo. Segundo eles, são “iniciados” em fazer o bem, sem olhar a quem.

         Para saber mais sobre o mestre extrafísico Sanat Khum Maat, ver o texto 139 – postado pelo site do IPPB no ano de 1999, onde revelo alguns detalhes sobre sua presença espiritual -, no seguinte endereço específico:  

http://www.ippb.org.br/textos/textos-periodicos/139-entrevista-com-sanat-khum-maat

Há outros textos dele postados na seção de textos periódicos do site enviados semanalmente – www.ippb.org.br. Devido à profundidade de seus apontamentos, é um dos mentores mais queridos dos leitores, que, frequentemente, enviam e-mails pedindo mais textos de sua autoria espiritual.  

Obs.: A coletânea de textos espirituais de Sanat Khum Maat está publicada em meu oitavo livro: “Ensinamentos Extrafísicos e Projetivos”, lançado pela Editora Madras, em 2005.

 

Wagner Borges

 

Facebooktwitter