• Brasil
Ramatis Livros Espíritas Universalistas

CONSIDERAÇÕES SOBRE A REENCARNAÇÃO DE RAMATÍS

CONSIDERAÇÕES SOBRE A REENCARNAÇÃO DE RAMATÍS

Facebooktwitter

Por Norberto Peixoto.

Prezados irmãos planetários,

Num recente post, fizemos alusão à reencarnação de Ramatís e de diversos Mestres da Fraternidade da Cruz e do Triângulo, conforme mencionado no livro Mediunidade de Terreiro, lançado ano passado. O intrincado momento planetário que estamos passando, com possibilidade até de uma guerra nuclear, conforme nos informam os amigos espirituais, é o ápice da “Besta do Apocalipse”, dado a falência moral e ética que a humanidade chegou. Um Mestre quando reencarna traz consigo seu programa de vida detalhadamente elaborado pelos Maiorais que regem a evolução do planeta, e prevê impacto profundo na consciência coletiva, em várias frentes de “batalha”: ciência, política, social, religião, tecnologia,…

Alguns irmãos nossos ficam um tanto entristecidos e até contrários a esta informação, que não é inédita, pois foi dada antes por Hercílio Maes, como menciona o livro “Simplesmente Hercílio”, de autoria de seu filho, Mauro Maes, pela Editora do Conhecimento. Outros companheiros de seara, ainda reagem como se estivéssemos tirando a imagem do “santo” do altar, o que os levaria a não ter mais para quem “orarem” do lado de lá. Há que se considerar que para cada Mestre que reencarna, outro assume sua posição, não ficando nada no “vazio”, pois a pluralidade dos mundos habitados e o constante fluxo de migração de um orbe a outro prevê este trânsito. Temos que ter maturidade espiritual e estabilidade emocional, pois já é mais do que a “hora chegada” de fazermos a lição de casa, sermos elos de uma corrente energética vibracional de apoio ao planeta e a estes abnegados Mestres que retornam, reencarnando em todas as latitudes da Terra, doando o mínimo de nós mesmos a estes que doam o máximo de si por amor à humanidade .

Então, não sou eu quem trouxe primeiramente a lume que Ramatís reencarnará. Eu simplesmente tive a mesma percepção que Hercílio teve, conforme minha sensibilidade e sintonia psíquica assim captaram.

Muitos perguntam uma data. Creio isto não seja o mais importante. Todavia, o que eu posso dividir com os irmãos de seara aliviando meu coração, com a mais profunda tranquilidade e paz de consciência, sendo fiel ao que eu vivencio com este amoroso espirito; tutor da minha encarnação, amigo, mestre,…, é que quando eu deixar esta matéria Ramatís estará reencarnado.

Estou com 51 anos…

Fraternalmente,
Norberto Peixoto.

Complementando o Reencarne de Ramatís

 Por Dalton

Não importa saber a data, muitos que hoje são seguidores, serão no dia de amanhã seus perseguidores. Isto parece ser repetitivo nos anais da história multiencarnatória dos mestres. Discernimento é estar preparado para fletir a alma a novas possibilidades. Preciso dizer uma coisa, e é este o momento e o local, peço humilde licença ao irmão Norberto a quem admiro e respeito e é bem mais experiente que eu. Tenho muitos textos já escritos há anos, cheguei a fazer um vídeo destes volumes manuscritos. Muitos desses texto anímicos-mediúnicos são de Ramatís e de seus contatos mais diretos. Quando e se eu conseguir publicá-los um dia não sei se vou inserir a assinatura de Ramatís por várias razões e esta é uma delas. Aprendi com o amigo Wagner Borges que as assinaturas não importam, o que vale é o conteúdo. Pois tem muita gente fazendo apologia as “assinaturas” e não analisando a profundidade dos textos a altura. Seguidores que procuram personalidades e não conteúdo, um mal planetário. Deixo meus abraços reflexivos torcendo pelo planeta e aproveitando para dizer que tenho 53 anos. Reparem que todos os médiuns vivos de Ramatís hoje no Brasil possuem esta mesma faixa de idade: Wagner Borges, Norberto, eu Dalton e o Roger Botine, outros talvez não sei afirmar. Om!

Dalton – www.consciencial.org

Facebooktwitter