• Brasil
Ramatis Livros Espíritas Universalistas

TOQUES ESPIRITUAIS SOBRE EMOÇÕES E OUTROS QUETAIS…

TOQUES ESPIRITUAIS SOBRE EMOÇÕES E OUTROS QUETAIS…

Facebooktwitter

Por Wagner Borges – www.ippb.org.br
(Resposta às Perguntas de uma Amiga Sobre Má Sorte nos Relacionamentos)

Boa tarde, minha querida.
As pessoas dão no mundo e nas relações o que têm dentro delas.
O que aparece como atitude externa é o que o que elas acalentam nelas mesmas.
Em se falando dos encarnados na Terra, isso é mais do que normal.
Então, não se aborreça. Compreensão em ação… e doses cavalares de paciência.
Aliás, você mesma também tem suas tranqueiras. Todos têm!
E não pense que você é perseguida pelo destino. Isso aqui é Terra, minha filha!
Você não mora no paraíso e nem tem asas. Por aqui, coisas densas rolam mesmo.
Acostume-se, pois, mesmo amando, as coisas nem sempre rolam do jeito certo.
Você é adulta, já deveria ter se tocado de um monte de coisas (e relevado).
Contudo, fica ligada ao que já passou e dando chiliques a todo instante.
Só porque o seu amigo é médium, você pensou que nós a ajudaríamos em algo.
Errou feio, amiga. Nós não somos mágicos! E nem somos consultores afetivos!
Inclusive, quando ainda estávamos reencarnados aí embaixo, também erramos!
Então, não somos os melhores nisso. O nosso lance é bem outro, mais lúcido.
Por exemplo, falamos de vida após a morte e questionamos certas coisas.
Cutucamos os leitores com tiradas inteligentes, criativas e bem humoradas.
Essa é a nossa praia no momento. O Papai do Céu nos fez assim (ainda bem!).
No entanto, vamos abrir uma exceção para você e dar alguns pitacos…
Em primeiro lugar, não se apoquente tanto por picuinhas emocionais e quejandos.
Em segundo, valorize a vida e não deixe ninguém roubar o seu equilíbrio.
Em terceiro, ficar sozinha não é um problema. Ruim mesmo, é ser medíocre!
Em quarto, pare de brigar. Você gasta muita energia discutindo à toa.
Em quinto, volte aos estudos espirituais que abandonou (isso sim é problema).
Em sexto, suas amigas têm lhe dado péssimos conselhos (e como você não nota?)
Em sétimo, balada não é sua cara. Você quer arranjar alguém a qualquer custo?
Em oitavo, você bloqueou sua sensibilidade espiritual. Por isso se sente estagnada.
Em nono, você é bonita, mas fica horrível quando briga. E isso é um desperdício!
Em décimo, com alguém, ou sem ninguém, ser feliz é um estado de consciência.
Em décimo-primeiro, há quanto tempo você não se lembra do seu guia espiritual*?
E, por último, não fique esperando nenhuma mensagem.
Veja se melhora (tá na hora).

P.S.:
Crescer dá trabalho!
Ficar brigando queima o filme!
Felicidade não se compra!
Falar de Amor não é o mesmo que amar!
E temos dito!

Vamos nessa que é bom à beça!
(Todo tempo é tempo de crescer!)

– Companhia do Amor –
A Turma dos Poetas em Flor**.
(Recebido espiritualmente por Wagner Borges – São Paulo, 19 de maio de 2015.)

– Notas:
* Guia espiritual – entidade extrafísica e positiva que ajuda na evolução de todos; mentor espiritual; amparador extrafísico; companheiro espiritual; protetor astral; auxiliar invisível; guardião astral; guia espiritual; benfeitor espiritual.
** A Companhia do Amor é um grupo de cronistas, poetas e escritores brasileiros desencarnados que me passam textos e mensagens espirituais há vários anos. Em sua grande maioria, são poetas e muito bem humorados. Segundo eles, os seus escritos são para mostrar que os espíritos não são nuvenzinhas ou luzinhas piscando em um plano espiritual inefável.
Eles querem mostrar que continuam sendo pessoas comuns, apenas vivendo em outros planos, sem carregar o corpo denso. Querem que as pessoas encarnadas saibam que não existe apenas vida após a morte, mas, também, muita Alegria e Amor.
Os seus textos são simples e diretos, buscando o coração do leitor.
Para mais detalhes sobre o trabalho dessa turma maravilhosa, ver os livros “Companhia do Amor – A Turma dos Poetas em Flor – Volumes 1 e 2” – Edição independente – Wagner Borges -, e sua coluna no site do IPPB (que é uma das seções mais visitadas no site): http://www.ippb.org.br/textos/companhia-do-amor
Obs.: Para acrescentar algo mais a esses escritos de hoje, sugiro a leitura do texto “Pequeno Recado do Coração”, postado no site do IPPB no seguinte link:
http://www.ippb.org.br/textos/companhia-do-amor/pequeno-recado-do-coracao

Facebooktwitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *